recolocacao profissional saiba o que e como se preparar dicas

Foi desligado da empresa onde trabalhava ou quer um novo desafio para a sua carreira e está buscando recolocação profissional?

Neste artigo, separamos algumas dicas para ajudá-lo a se preparar para encarar esse processo independentemente do seu momento. 

Animado para conhecer as estratégias e colocá-las em prática?

Vamos lá!

O que é recolocação profissional?

A recolocação profissional é o processo pelo qual o profissional passa para conseguir uma nova oportunidade no mercado de trabalho.

Ele pode fazer isso sozinho, seguindo algumas dicas e estratégias, ou contar com auxílio.

Nesse caso, existem duas frentes.

Conceito

O profissional que busca recolocação profissional pode se deparar com dois conceitos: outplacement e replacement.

Ambos estão relacionados ao objetivo de encontrar um novo emprego para o profissional, mas em momentos e situações distintos.

No outplacement, a empresa que pretende demitir o funcionário é quem contrata o serviço de uma consultoria especializada para minimizar os impactos da demissão na vida dele e ajudá-lo a se recolocar mais rápido.

Já o replacement é um serviço que deve ser buscado pelo próprio profissional, quando já estiver desempregado, para conseguir se reinserir no mercado.

Como funciona a recolocação no mercado?

Se você está pensando em contratar um serviço de recolocação profissional, é importante entender como ele funciona.

O trabalho vai muito além da elaboração de um bom currículo.

Tudo começa com uma análise da sua carreira para identificar os seus objetivos e os rumos que a sua vida profissional está tomando.

A partir disso, um planejamento é desenhado, considerando as estratégias da sua divulgação para o mercado de trabalho.

A consultoria de recolocação também auxilia no preparo para a participação em processos de recrutamento e seleção. 

Em quais situações as pessoas buscam recolocação profissional?

recolocacao profissional em quais situacoes pessoas buscam

A recolocação profissional pode ser buscada em diferentes ocasiões.

Conheça cada uma delas:

Demissão

A situação mais comum é a de demissão.

Quando o profissional é desligado da empresa, ele recorre à recolocação profissional para conseguir a reinserção no mercado de trabalho.

Busca de novos desafios na carreira

Profissionais que atuam há muitos anos em uma profissão podem se sentir estagnados, principalmente se executam a mesma função por longos períodos.

Surge, então, a necessidade de novos desafios, e a recolocação profissional pode dar esse gás que falta na carreira.

Insatisfação profissional 

Muitas vezes, a carreira vai por um caminho que não era o esperado.

Ou, então, as expectativas mudam ao longo da vida.

Se isso acontece, a saída é procurar uma nova oportunidade, mais compatível aos objetivos profissionais.

Mudança de cidade

Uma mudança de cidade pode ter diversas razões.

Independentemente do motivo, emprego pode precisar acompanhar a transição, principalmente se a nova moradia for bem distante da empresa.

Nesse caso, a recolocação profissional é uma alternativa para solucionar o problema.

Desejo de ascensão profissional

Aqui, o sentimento é um pouco maior do que a necessidade de desafios na carreira.

É, na verdade, um desejo por crescimento, que costuma ter relação com ascensão de cargo, embora não seja exclusividade.

Dependendo da hierarquia na empresa atual, pode não haver oportunidade para expandir a carreira.

Assim, somente uma mudança pode proporcionar o que o profissional tanto almeja. 

Quais plataformas se utiliza para recolocação profissional?

A tecnologia tem facilitado diversas atividades e setores.

Se antes precisávamos ir de porta e porta entregando currículo, hoje os processos são mais simples e podem ser realizados através da internet.

LinkedIn

O LinkedIn é a maior rede social corporativa do mundo.

As empresas a utilizam para divulgar vagas e noticiar suas ações.

Os profissionais, por sua vez, podem usar a plataforma para encontrar emprego, construir reputação e fortalecer a sua imagem, além de fazer networking e parcerias.

Portanto, é uma excelente maneira de conseguir recolocação profissional.

Dicas para se destacar no LinkedIn

Para ter sucesso no LinkedIn não basta apenas criar um perfil.

É preciso deixá-lo bem completo, com todas as informações preenchidas, foto de perfil profissional e título e resumo atrativos e matadores.

Além disso, é importante movimentá-lo bastante, publicando artigos e interagindo na rede.

Sites de vagas

O LinkedIn é uma ferramenta fantástica, mas não é a única.

Os sites de vagas, que são mais antigos, inclusive, ainda funcionam e dão resultado.

Dessa forma, faça seu cadastro nessas plataformas, mantenha seus dados sempre atualizados e candidate-se às vagas compatíveis ao seu perfil.

Dicas para se preparar para a recolocação profissional

recolocacao profissional dicas para se preparar para

Agora você já conhece dois caminhos importantes para buscar recolocação profissional, certo?

Usar as plataformas é só uma parte do processo.

Para conseguir uma nova oportunidade de emprego, você deve estar bem preparado.

Portanto, preste bastante atenção nas dicas a seguir:

Pratique o marketing pessoal 

Não são só as grandes empresas que precisam fazer marketing, você também deve praticar o seu.

O nome que você carrega é a sua marca e é importante promovê-lo se quiser a recolocação no mercado de trabalho.

Portanto, dê mais atenção à sua postura e comportamentos.

Busque o networking e a troca de experiências

O networking, de certa forma, está ligado ao marketing pessoal.

Afinal, criar e manter uma rede de contatos não deixa de ser uma forma de autopromoção.

E o networking traz enormes benefícios para a sua carreira.

Além de ajudar no seu desenvolvimento profissional, as suas chances de ser lembrado na hora de uma indicação são muito maiores.

Seja positivo

Se você iniciar esse processo de recolocação profissional acreditando que nada vai dar certo é melhor nem começar.

Você precisa confiar em si mesmo e ter positividade para encarar todas as etapas e desafios que virão pela frente.

Muitas vezes, o caminho pode ser árduo e demorado.

Lidar com a situação de modo otimista, além de tornar as coisas mais leves, ajuda a recarregar as energias para continuar perseguindo os objetivos.

Mantenha seu currículo atualizado

Preencher o currículo e os infinitos formulários de cadastro para as vagas pode ser uma tarefa tediosa, mas é extremamente necessária.

Por isso, não deixe que a estafa tome conta e impeça você de realizar esse afazer.

Para facilitar, você pode estipular alguns períodos do dia ou da semana para fazer essas atualizações.

É claro que diversos campos no currículo não vão precisar de mudança, mas você pode personalizar o documento para cada vaga em que vai concorrer, principalmente em objetivo.

Faça um mapeamento de vagas

Se você acha que a melhor estratégia é distribuir o currículo para o maior número de empresas e torcer para alguma delas te chamar para a entrevista, você está completamente equivocado.

Pode até ser que isso surta algum efeito, mas, certamente, não é do jeito certo, até porque você vai se desgastar e, muito provavelmente, será contratado por uma empresa distante dos seus propósitos.

O ideal, portanto, é mapear as vagas que são compatíveis com o seu perfil.

Não só aquelas cujos cargos e responsabilidades fazem sentido, mas também o ambiente de trabalho e outras questões relacionadas à filosofia organizacional.

Assim, você não corre o risco de entrar em uma empresa que não atende às suas expectativas.

Aliás, uma curiosidade: o propósito é o principal motivo para brasileiros trocarem de emprego.

Você conhecia essa informação?

Quase 30% das pessoas buscam trabalhos mais conectados aos seus propósitos de vida, segundo levantamento da plataforma Glassdoor.

Enfim, o mapeamento das vagas ajuda a direcionar os esforços de maneira adequada.

Invista em seus estudos e capacitação

Todas as dicas que listamos até aqui são bastante eficazes durante o processo de recolocação profissional, mas, para conseguir uma boa oportunidade de emprego, o seu currículo precisa fazer jus à ela. 

A qualificação profissional tem uma parcela importante nesse sentido.

Quem tem curso superior, por exemplo, ganha mais do que o dobro de quem não tem diploma.

Você sabia disso?

Por essa razão, invista sempre em educação para aprimorar as suas competências e habilidades.

Onde estudar para a recolocação profissional?

recolocacao profissional onde estudar para

Já que encerramos o tópico anterior comentando sobre a importância de investir nos estudos, vamos falar agora de onde estudar para dar um up no seu currículo e transformar a sua carreira.

A UNIFEOB - Centro Universitário Fundação de Ensino Octávio Bastos tem 53 anos de experiência e boa reputação no mercado de trabalho.

A instituição forma profissionais capacitados para diversas profissões e possui parceria com as maiores empresas da região para facilitar a empregabilidade dos alunos.

São vários cursos EAD para você estudar online ou semipresencialmente.

Com certeza um deles é a sua cara.

Conclusão

E, então, o que achou das dicas para recolocação profissional?

Não são difíceis de colocar em prática, não é mesmo?

Se você ainda não tem seu perfil no LinkedIn ou não cadastrou o seu currículo nos sites de vagas, é bom fazer isso o mais cedo possível. 

Mas, antes, você precisa fazer uma profunda reflexão sobre os seus objetivos na carreira.

Isso vai ajudar a traçar os melhores caminhos para chegar aonde você deseja.

Nesse autoconhecimento, muitas descobertas podem acontecer. 

Às vezes, a profissão que você segue por tantos anos não te faz feliz e o jeito é mudar de área e fazer uma segunda graduação.

Se for esse o caso, lembre-se que a UNIFEOB tem vários cursos para você se capacitar e entrar com tudo no mercado de trabalho.

O importante é se sentir realizado na vida profissional e isso depende das suas escolhas.

Gostou do artigo? Aproveite o espaço abaixo e escreva o seu comentário!

Inscreva-se no nosso Blog

blog ead unifeob

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT