Será que você tem uma postura profissional exemplar?

Muita gente comete o erro de achar que é bom profissional por reunir diversas habilidades técnicas e se esquece de que as competências pessoais contam vários pontos a favor.

A maioria das empresas, aliás, costuma levar em consideração os aspectos comportamentais do profissional desde o processo seletivo. 

Tornou-se até mesmo uma tendência as grandes organizações valorizarem mais os atributos como boa comunicação e empatia dos candidatos do que as capacidades técnicas.

Isso ocorre porque é mais fácil capacitar alguém para desempenhar uma função do que moldar o comportamento. 

Além disso, as habilidades sociais é que têm feito diferença no dia a dia de trabalho

Se você quer garantir que a sua postura profissional seja adequada, não deixe de conferir este artigo.

Nas próximas linhas, você descobre como aprimorá-la.

Boa leitura!

New call-to-action

O que é postura profissional?

Postura profissional é o conjunto de características pessoais e condutas adotadas pelo profissional no ambiente de trabalho. Ou seja, todas as escolhas, ações e atitudes realizadas diante das mais variadas situações do dia a dia compõem a postura de um profissional. 

Sendo assim, a postura pode ser boa ou ruim.

A primeira opção significa que o profissional possui um bom comportamento no trabalho, enquanto a segunda indica que alguns aspectos o depreciam. 

Responsabilidade, ética e comprometimento estão entre os principais fatores que influenciam a postura profissional.

Por que a postura profissional é importante?

postura profissional por que importante

A postura de um profissional é como a identidade de um trabalhador.

Ela é uma espécie de currículo da vida real.

Não que o documento seja uma farsa, mas é possível colocar nele habilidades inexistentes.

Já no dia a dia de trabalho, fica evidente quais são ou deixam de ser os atributos.

Assim, a postura profissional pode ser observada já no momento da seleção.

Traços de personalidade, preferências e condutas adotadas são levadas em consideração por um recrutador. 

Portanto, é ideal essas características sejam condizentes e alinhadas aos valores da empresa.

Pensando nisso é que muitas organizações investem regularmente em treinamentos para seus colaboradores. 

Grande parte das empresas, inclusive, possuem um código de conduta.

O material é, comumente, apresentado ao profissional no momento da contratação, mas as diretrizes contidas nele devem ser seguidas durante toda a carreira na organização.

Para quem não conhece, o código de conduta costuma estabelecer orientações relacionadas a uma boa convivência com os demais colegas, regras para o uso dos recursos, dresscode (código de vestimenta) e boas práticas fora da empresa.

Ainda que seja imprescindível segui-lo, ser um observador atento da cultura da empresa pode ser uma estratégia mais eficaz, uma vez que muitos hábitos mantidos são difíceis de documentar.

Benefícios de se manter uma postura profissional

O colaborador que se preocupa em construir uma boa postura profissional, certamente, tem um diferencial competitivo no mercado.

Ele é sempre bem visto pelos seus colegas e superiores, e também lembrado em momentos oportunos.

Fora isso, um profissional respeitado e admirado tem mais propriedade para desenvolver seu trabalho, especialmente se for um líder.

Inspirar outras pessoas é muito mais fácil quando você é o exemplo.

Como ter uma postura profissional?

postura profissional como ter uma

O primeiro passo é aceitar que ninguém é perfeito. 

Dito isto, você já sabe que defeitos existirão e, embora seja necessário corrigi-los, nem sempre será fácil.

Uma boa dica, portanto, é observar suas características pessoais, compreendendo quais são seus pontos fortes e o que você pode melhorar.

Não é uma tarefa simples. 

Afinal, algumas pessoas tendem a ser mais perfeccionistas e autocríticas, e outras enfrentam dificuldades de enxergar suas particularidades.

Mas, como todo exercício, criar o hábito de realizar auto feedbacks constantemente e aprender a aceitar críticas podem, aos poucos, auxiliar na construção de uma postura profissional adequada. 

Construindo uma postura profissional

Mas, afinal, por onde começar?

Primeiro, tenha em mente o profissional que você deseja ser.

Quais são as características que um bom profissional deve ter?

Então, faça o balanço do profissional que você é hoje e o que é preciso para se tornar o profissional desejado.

Lembre-se de respeitar suas próprias características. 

Postura profissional não significa, necessariamente, ser o mais comunicativo ou o mais empático, mas sim ter comportamentos adequados em cada situação.

Portanto, prepare-se para sair de sua zona de conforto, eventualmente, quando a situação exigir. 

Saber posicionar-se com firmeza, ser claro, educado e até conseguir dizer “não”, dependendo das circunstâncias, podem construir a imagem de uma pessoa decidida.

Soft skills e a postura profissional

No ambiente empresarial existem as expressões hard skills e soft skills.

Hard skills são as competências técnicas de um profissional e podem ser medidas apenas observando suas especializações e conhecimento acerca de determinado assunto técnico.

Já as soft skills são as habilidades interpessoais do profissional e mais difíceis de serem identificadas e mensuradas, uma vez que utilizam um critério intangível.

Algumas das soft skills mais valorizadas são comunicação, criatividade, resiliência, empatia, liderança e ética.

Dicas para uma boa postura profissional

postura profissional dicas para uma boa

A cultura organizacional varia muito de uma empresa para outra. 

Porém, alguns hábitos adotados para melhorar a postura profissional são universais.

Vamos a eles!

Vista-se profissionalmente e seja pontual

Enquanto advogados precisam seguir um dresscode mais formal, outros ambientes permitem maior flexibilização na hora de se vestir, como agências de publicidade e escritórios de arquitetura.

No entanto, bermudas, camisetas e decotes costumam demonstrar falta de profissionalismo em qualquer área.

Além da vestimenta, a pontualidade é outro fator que só acrescenta.

Ser pontual demonstra compromisso e valorização do tempo alheio.

Mantenha o bom humor e trate a todos igualmente

Ser uma pessoa simpática com todos é primordial e o ajudará a manter uma boa relação com seus colegas. 

No entanto, tudo tem limites.

Ter bom humor não significa fazer piadas o tempo todo, por exemplo.

Respeite a política da empresa e leve seu trabalho a sério

Fique atento aos prazos e metas a serem cumpridos. 

Demonstre comprometimento com suas atividades e bom relacionamento com sua equipe.

Evite falar mal da empresa para seus colegas, envolver-se em fofocas e tratar de assuntos pessoais durante o expediente.

Como ser um profissional de destaque?

postura profissional como ser um de destaque

O primeiro passo para iniciar a construção de sua postura profissional é estar aberto a mudanças.

Inclusive, demonstrar flexibilidade na empresa também é um sinal positivo. 

Portanto, saber ouvir e dar feedback são qualidades notáveis de um bom profissional.

Postura profissional como diferencial no local de trabalho

O profissional que se diferencia por sua postura é aquele que está em constante evolução.

Observar preconceitos a fim de superá-los, conversar com colegas no intuito de identificar pontos de melhoria e investir constantemente em treinamentos são alguns métodos para se destacar.

A educação continuada é, na verdade, uma excelente alternativa para desenvolver habilidades.

Na UNIFEOB, por exemplo, os cursos não focam apenas em aspectos técnicos. 

Eles buscam formar profissionais preparados para enfrentar os desafios do mercado de trabalho.

Como ter atitudes adequadas?

Após refletir sobre os pontos de melhoria, é hora de colocá-los em prática. 

A melhor maneira de criar um hábito é exercitando-o.

Portanto, ser mais gentil no dia a dia, agir com segurança, comprometer-se em suas atividades e ser pontual são ações que gradualmente se tornarão naturais.

No início, provavelmente, será necessário um pouco mais de atenção e esforço.

Postura profissional no processo de contratação

postura profissional no processo de contratacao

A postura profissional é algo tão importante no meio empresarial, que já começa a ser avaliada no momento do recrutamento.

É muito comum o entrevistador fazer perguntas de cunho pessoal ao candidato, como quais são seus hobbies, valores e a opinião sobre outras experiências profissionais.

Com isso, é possível traçar um perfil do tipo de pessoa que o candidato aparenta ser.

Portanto, é fundamental se preparar para uma entrevista de emprego, pesquisar sobre a empresa, ser pontual e se vestir adequadamente.

Esses pequenos passos podem te ajudar a ficar mais tranquilo e confiante no momento da seleção.

Sinais de que você precisa melhorar sua postura profissional

Após a contratação, manter os cuidados com a postura profissional é fundamental para trilhar uma jornada de sucesso na carreira.

Então, vale ficar sempre atento a alguns pontos:

Seus colegas de equipe não demonstram interesse em ajudá-lo no trabalho

O trabalho em equipe é realizado em sinergia, ou seja, várias forças unidas em prol de um objetivo comum.

Assim, cada membro da equipe deve estar ciente de sua responsabilidade e atuar para conquistar as melhores soluções.

No entanto, quando um dos profissionais adota uma postura que não está de acordo com o que a equipe precisa, pode ser preocupante. 

Portanto, fique atento à sua interação com seus colegas e procure sempre se mostrar disposto e interessado em contribuir. 

Seu gestor não faz qualquer crítica e você não é convidado para projetos novos

Receber feedbacks pode ser uma oportunidade para tomar consciência de um comportamento inadequado e agir para melhorá-lo.

A crítica é uma maneira de ter seu potencial reconhecido e realizar correções para se tornar um profissional cada vez melhor. 

O fato de não receber elogios, mas também não receber críticas, pode ser um sinal de que seus superiores já não acreditam na sua evolução.

Não recebe informações de caráter confidencial e é sempre o último a notar que algo está acontecendo

Da mesma maneira que agir por conta própria pode afastá-lo da equipe, essa atitude pode reduzir sua credibilidade como profissional.

Caso seus superiores não se esforcem para mantê-lo informado sobre novos projetos e ações relativas à empresa, cabe uma análise de sua postura profissional.

O que pode estar interferindo na confiança dessa relação?

Ética e postura profissional

Algumas áreas, como Psicologia, Direito e Medicina, possuem suas próprias condutas éticas.

No entanto, cada profissional pode construir sua própria postura, baseando-se em seus valores e adotando atitudes que façam sentido à sua realidade.

Vale também analisar se os valores da empresa e sua cultura organizacional vão ao encontro do que você acredita.

Conclusão

Neste artigo, você pôde conferir os diversos fatores que contribuem para a construção de uma boa postura profissional.

Muitas vezes, esse pode ser um processo trabalhoso e de quebra de paradigmas internos. 

Porém, certamente, renderá bons frutos.

Então, não deixe de seguir todas as dicas listadas. Comece a praticá-las hoje mesmo.

Que tal começar investindo em educação?

Acesse o site da UNIFEOB e confira todos os cursos disponíveis.

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se.

Inscreva-se no nosso Blog

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT