Já pensou em fazer um curso de Engenharia de Produção e seguir uma das carreiras mais promissoras da atualidade?

Hoje, as indústrias e empresas brasileiras estão em busca de engenheiros qualificados para gerenciar seus processos produtivos, reduzir custos e alavancar a produtividade.

Se você tem afinidade com Exatas e um raciocínio lógico apurado, essa carreira pode ser uma ótima escolha para garantir seu futuro e ter várias opções de atuação.

Quer ver como o curso de Engenharia de Produção prepara você para o mercado de trabalho?

Então, continue lendo e saiba tudo sobre a faculdade e a profissão

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

O que é Engenharia de Produção?

Se você pensa em fazer um curso de Engenharia de Produção, precisa saber que essa é uma área dedicada ao estudo e otimização de sistemas produtivos, envolvendo recursos naturais, humanos, energéticos e tecnológicos.

Ela é tradicionalmente relacionada ao chão de fábrica, mas também pode ser aplicada ao setor de varejo e serviços.

Para que qualquer bem ou serviço seja produzido, é preciso que um profissional cuide dos processos de fabricação, critérios de qualidade, gestão de custos, entre outros elementos que fazem parte da rotina do engenheiro de produção. 

O que faz o profissional de Engenharia de Produção?

O profissional de Engenharia de Produção é responsável pelo projeto, planejamento, controle e avaliação de sistemas produtivos.

Seu papel é garantir a máxima eficiência dos processos de produção, desde a escolha da matéria-prima até a fabricação e distribuição. 

Para isso, ele reúne conhecimentos em áreas diversas, como engenharia, economia, administração e gestão de pessoas, e também estende seu trabalho à gestão da qualidade, logística e operações. 

Qual é a importância da Engenharia de Produção?

Toda empresa que possui uma linha de produção precisa de um especialista em engenharia para dimensionar e gerenciar seus processos.

Basta pensar na quantidade de etapas que transcorrem entre a compra de uma matéria-prima e a entrega de um produto final ao distribuidor.

Para que o processo seja realizado com eficiência, custos reduzidos e aproveitamento total da mão de obra, e ainda com o controle de qualidade correto e alcance das metas de produtividade, é indispensável ter um engenheiro de produção no comando das operações. 

Quais são as vantagens em atuar na área da Engenharia de Produção?

Uma das principais vantagens da área de Engenharia de Produção é que a formação generalista abre um vasto campo de atuação no mercado.

Com uma única formação, você pode atuar em desenvolvimento de produtos, gestão logística, controle de qualidade e várias outras áreas.

Além disso, a chegada das novas tecnologias ao mercado cria ainda mais oportunidades para novos engenheiros habituados à era digital. 

Onde posso atuar com o curso de Engenharia de Produção?

Há várias possibilidades de atuação após se formar no curso de Engenharia de Produção.

Veja algumas das mais comuns.

Engenharia da Qualidade

Na área de engenharia da qualidade, você será responsável pelo planejamento, projeto e controle de sistemas de gestão de qualidade.

As funções incluem a normalização, auditoria, certificação, organização metrológica e outras atividades que garantem a confiabilidade de processos e produtos.

Operações e Processos

Para quem prefere trabalhar diretamente no operacional, a área de operações e processos é responsável pela melhoria dos sistemas que dão origem aos produtos da empresa.

Nesse caso, o engenheiro se ocupa da gestão de sistemas de produção, controle de operações, gestão da manutenção, projeto de fábrica, entre outras atribuições.

Pesquisa Operacional

A pesquisa operacional é a área que resolve os problemas da indústria e orienta a tomada de decisão.

Para atuar nessa frente, o engenheiro deve dominar modelos matemáticos e métodos como modelagem, simulação e otimização, além da inteligência computacional.

Engenharia do Trabalho

Na engenharia do trabalho, o engenheiro precisa compatibilizar os projetos, equipamentos e sistemas de trabalho com as necessidades e habilidades dos operários.

O objetivo é garantir a produtividade máxima para a indústria e, ao mesmo tempo, cumprir todas as normas de segurança do trabalho e saúde ocupacional.

Logística

A logística envolve todas as atividades de transporte, movimentação, armazenamento, estoque e distribuição de produtos.

Nessa área, o engenheiro de produção deve fazer a gestão da cadeia de suprimento, controlar estoques e analisar sistemas logísticos.

Engenharia de Produto

Para os mais criativos, a área de engenharia de produto é uma ótima oportunidade de desenvolver novos bens e serviços para o mercado.

Nesse caso, o engenheiro atua desde a concepção até o lançamento do produto e sua retirada do mercado. 

Engenharia Econômica

Unindo engenharia e economia, temos uma área responsável pela formulação e avaliação de resultados econômicos na empresa.

O engenheiro que entra nessa área deve fazer a gestão de custos, riscos e investimentos, buscando os melhores resultados financeiros para a indústria. 

Engenharia da Sustentabilidade

Por fim, a engenharia da sustentabilidade vem ganhando força com o avanço do desenvolvimento sustentável.

Nessa área, o engenheiro de produção se dedica à utilização eficiente de recursos naturais, gestão de resíduos, produção limpa, alternativas energéticas, entre outras funções que conciliam produtividade e respeito ao meio ambiente. 

Quem deve fazer o curso de Engenharia de Produção?

Quem procura uma profissão generalista e se identifica com as engenharias pode ter um ótimo aproveitamento no curso de Engenharia de Produção. 

A vantagem dessa área é que o mercado de trabalho absorve profissionais para várias funções, com foco no setor industrial. 

Para quem é indicado?

O curso é indicado para quem tem afinidade com Ciências Exatas, gosta de tecnologia e se interessa por processos produtivos de maneira geral.

Além disso, quem mora ou pretende morar em cidades com parque industrial desenvolvido tem mais chances de conseguir uma boa colocação na área. 

Qual o perfil do profissional?

O engenheiro de produção deve ter alta capacidade para organizar processos, um raciocínio lógico desenvolvido e competências analíticas.

Também é preciso dominar tecnologias e pensar de forma criativa para solucionar problemas. 

Completam o perfil a boa comunicação, relacionamento interpessoal e capacidade de gerenciar pessoas. 

Como é a faculdade de Engenharia de Produção?

A faculdade de Engenharia de Produção possui uma grade curricular extensa com disciplinas diversificadas.

Confira as principais informações do curso. 

Grade Curricular

Estas são algumas disciplinas do curso de Engenharia de Produção, apenas para você ter uma ideia:

  • Administração para engenharia
  • Gestão econômica e ambiental
  • Probabilidade e estatística
  • Estática e cinemática
  • Mecânica de sólidos
  • Cálculo diferencial e integral
  • Ciência e tecnologia de materiais
  • Química tecnológica e aplicada
  • Álgebra linear
  • Fabricação mecânica
  • Gestão de projetos e operações
  • Modelagem e simulação
  • Elétrica aplicada
  • Sistemas de apoio à decisão.

Duração

A duração média do curso de Engenharia de Produção é de 5 anos.

Qual habilitação: licenciatura ou bacharel?

A maior parte dos alunos busca o bacharel em Engenharia de Produção, que permite atuar no mercado de trabalho logo após a formação.

Para quem deseja dar aula em universidades, também é possível optar pela licenciatura. 

Quanto ganha um Engenheiro de Produção?

O salário do engenheiro de produção varia conforme experiência, área de atuação e empresa.

Veja algumas médias do mercado.

Profissional em formação

Para os profissionais em formação, a opção é buscar estágios que pagam bolsa-auxílio e alguns benefícios.

Nas melhores vagas, é possível ganhar entre R$ 1 mil e R$ 2 mil ao mês. 

Profissional formado

De acordo com o site Vagas.com, um engenheiro de produção começa a carreira ganhando em torno de R$ 5.072,00 e pode chegar a R$ 9.340,00.

A média salarial no Brasil é de R$ 7.516,00.

Já conforme o Glassdoor, a média do país é mais alta: R$ 8.237,00, e os engenheiros mais experientes chegam a ganhar R$ 13 mil. 

Projeções para o Mercado de Trabalho da Engenharia de Produção

Uma pesquisa do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) estimou a necessidade de o Brasil formar entre 70 mil e 95 mil engenheiros por ano para suprir a demanda do mercado.

Outra pesquisa, esta realizada pelo Departamento de Engenharia de Produção da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP, mostrou que a empregabilidade para engenheiros de produção é de quase 100% no país.

Esses dados deixam claro que há grande potencial de crescimento na área e muitas oportunidades de carreira para os próximos anos.

Afinal, os engenheiros de produção são responsáveis pela melhoria de processos, racionalização de mão de obra, redução de desperdícios e inovações que aumentam a produtividade de forma sustentável - tudo o que a economia precisa para crescer.

Onde fazer faculdade de Engenharia de Produção?

Na hora de escolher sua faculdade de Engenharia de Produção, é fundamental selecionar uma instituição reconhecida pelo MEC e com estrutura completa para o curso.

Para facilitar ainda mais os estudos, você pode optar por um curso semipresencial ou EAD (Ensino a Distância), que permite ter aulas online e praticar em laboratórios físicos no campus.

Esse é o modelo adotado pelo Curso de Engenharia de Produção EAD da UNIFEOB, que disponibiliza laboratórios-fazenda equipados para os alunos e um ambiente de aprendizagem virtual dinâmico.

>>> Melhores cursos EAD para quem mora em cidades pequenas

Conclusão

Então, já tomou uma decisão sobre o curso de Engenharia de Produção?

Como vimos, esta é uma área em plena expansão e com inúmeras oportunidades para o presente e futuro. 

Se você tem afinidade com as disciplinas e se vê na linha de frente dos processos produtivos, está diante de uma ótima escolha de carreira.

E então, vai se matricular no curso de Engenharia de Produção?

Comente o que achou da ideia e compartilhe com quem pensa em seguir essa carreira. 

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se.

Inscreva-se no nosso Blog

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT